Requião Filho cobra na justiça dívida dos pedágios que chaga à 10 bilhões

“Estamos entrando hoje, quarta-feira dia 12, com uma Ação Popular, notificando o Ministério Público Estadual, Federal, Governo, AGEPAR e a todos, para que algo seja feito. O pedágio não pode embolsar esse dinheiro. Não pode embolsar o que recebeu a mais não tendo feito as obras. Não pode embolsar o que recebeu a mais tendo admitido que suas tarifas tinham sobre preço. Não pode embolsar um real a mais, aqui no Paraná, após ter admitido estar envolvido em corrupção.”, afirmou o Deputado.

A ação foi proposta pelos deputados Requião Filho (PMDB) e Airlson Chiorato (PT) em meio a uma ampla discussão sobre o modelo híbrido proposto pelo Governo Federal. Que conta com a oposição unânime da Assembleia Legislativa, da bancada Paranaense no Congresso Nacional e da sociedade civil.

A renovação dos contratos pela menor tarifa é o modelo defendido pela Assembleia Legislativa Estadual.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.