Um milhão de verdinhas

Circula o boato de que fiscais da Receita teriam oferecido à pessoas próximas do Chefe de Gabinete do Governador do Estado um milhão de Reais por mês se fossem alçados a certos cargos.

Proposta que não foi aceita, é claro, mas que demonstra a violência e a força com que o assédio é praticado.

Quem lembra do alvoroço causado pela Operação Publicano no passado, anulada pelo STF, lembra do calote dado pelos fiscais do estado.

Dos R$ 50 milhões que supostamente foram desviados dos cofres públicos, míseros R$ 5,7 mil foram supostamente utilizados para comprar 70 unidades de compensados. Cujo endereço de entrega supostamente seria o mesmo do comitê de campanha do PSDB no estado.

Valor bem diferente da suposta propina, que no momento da proposta, também seria milionária.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s